fbpx
Imobiliaria Jaú | Imóveis em Jaú: Casas para alugar em Jaú | Casa para vender em Jaú

Entenda como amortizar financiamento imobiliário para quitá-lo mais rápido

Entenda agora como reduzir o tempo do seu financiamento imobiliário e quitá-lo mais rapidamente! A amortização da dívida do financiamento de imóveis é uma opção que pode ser usada para reduzir o tempo do financiamento ou diminuir o valor das parcelas mensais.

Quer entender como amortizar financiamento imobiliário para quitá-lo mais rápido? Esse artigo, então, é para você. Quantas vezes você desanimou de financiar um imóvel para ter sua casa própria pensando nos longos anos de dívida que vinham pela frente?
Não precisa mais pensar assim, combinado? Nós vamos te explicar como reduzir o tempo de financiamento e pagar o total da sua dívida por meio da amortização.
Inclusive, ela é um direito assegurado por lei federal e os bancos não podem se negar a fazê-la. Aliás, se alguma instituição financeira se recusar a amortizar financiamento imobiliário, você pode fazer uma denúncia ao Banco Central.
Preparado para saber mais? Então, boa leitura.

Como amortizar meu financiamento imobiliário?

Primeiramente, é preciso entrar em contato com o banco responsável pelo crédito imobiliário que liberou o financiamento. Neste contato, você irá solicitar a amortização da dívida.
É importante saber que existem algumas opções e, dentre elas, está o uso dos recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço).
Mas lembre-se. O seu FGTS deve ser usado com muito cuidado! Isso porque, mesmo ele estando disponível para outras transações, como é o caso de amortizar financiamento imobiliário, seu principal objetivo é resguardar o trabalhador, caso ele seja demitido do emprego.
Mas o FGTS é apenas uma das opções, existem outras que vamos pontuar agora. Antes, porém, entenda que toda vez que você paga uma parcela do seu financiamento imobiliário, a amortização da dívida já está acontecendo.
Por isso, o valor das mensalidades vai depender do sistema que você escolheu na hora da contratação do financiamento do imóvel: Tabela Price ou Tabela SAC. Vamos entender melhor?

  • Tabela SAC – Nesse sistema o valor das parcelas vai diminuindo a cada mês. O banco estipula um percentual fixo de amortização que ao ser somado aos juros, forma o valor total da prestação.Porém, na Taxa SAC o montante é reduzido a cada pagamento sobre o qual os juros são calculados, o valor das parcelas fica mais barato.
  • Tabela Price – Aqui, os valores das prestações já são fixos, porque elas são calculadas com base em uma cota de amortização dos juros que vai reduzindo a cada mês, de acordo com a TR (Taxa Referencial).

Por tanto, no sistema da Tabela Price, a amortização do financiamento imobiliário tem por meta diminuir o saldo original da dívida, sem alterar o valor das parcelas mensais. Diante disso, é hora de você decidir o que mais compensa: reduzir o tempo ou o valor das prestações?
Geralmente, a antecipação das parcelas é a escolha mais adequada para quem tem mais folga financeira e não passa por apertos. Neste caso, as vantagens é conseguir quitar a dívida mais rápido, garantindo uma boa economia, já que há redução de juros e taxas.
Por outro lado, se você está enfrentando dificuldades financeiras, o melhor é escolher a amortização que reduz o valor das parcelas para que haja folga nas
despesas do mês. Neste caso, existe a possibilidade de utilizar o saldo do FGTS a cada 12 meses.

Antes de optar pela amortização da dívida, quais cuidados devo ter?

Até aqui você aprendeu como amortizar financiamento imobiliário. Agora, fique atento aos cuidados que precisa ter ao decidir por essa negociação.
Procure saber, primeiro, se a modalidade de financiamento imobiliário que você contratou permite usar o FGTS para reduzir o valor da dívida. Também faça o cálculo de todas as taxas envolvidas no contrato e, claro, na amortização.
Esteja sempre preparada para conversar com o gerente do seu banco sobre as projeções das taxas que estão no contrato e tenha tudo muito claro sobre como é amortizar financiamento imobiliário com aquele banco. Não tome nenhuma decisão se ainda tiver dúvidas.
Depois fique atento às demais dívidas que você tem, como cartão de crédito, cheque especial, financiamento de carro… Não deixe de pagar nenhum desses débitos para optar por amortizar financiamento imobiliário. Esteja com as contas em ordem antes de optar por qualquer modalidade de amortização.
Enfim, você já sabe como amortizar financiamento imobiliário e quais cuidados precisa ter. Agora, analise seu contrato de financiamento e faça todas as contas.
Lembre-se que amortizar esse tipo de dívida irá impactar na redução dos custos e na redução do tempo de financiamento, permitindo quitar o imóvel antes do prazo estipulado no contrato.

Você também pode se interessar:

E aí? Nossos esclarecimentos foram úteis? Aproveite e compartilhe essas informações com outras pessoas e, se precisar, converse com nossos corretores, aqui, na Imobiliária Jaú.

Comparar imóveis
Nenhum imóvel selecionado ainda Clique no para comparar imóveis
Venha conversar no Whatsapp!
Imobiliária Jaú
E-MAIL Entrar em contato
ANUNCIE Anunciar Imóvel
WHATSAPP (14) 2104-5555
Ao navegar neste site, você concorda com nossa Política de Privacidade