fbpx
Imobiliaria Jaú | Imóveis em Jaú: Casas para alugar em Jaú | Casa para vender em Jaú

5 monumentos históricos de Jaú para conhecer ainda mais a cidade da “terra roxa”

Esse conteúdo é um oferecimento da Imobiliária Jaú, empresa madrinha que apoia as boas notícias de Jaú.

17 de agosto é celebrado o Dia do Patrimônio Histórico Nacional. Essa é uma data para conhecer a cultura local, arte, tradições e toda a história de uma cidade. O patrimônio histórico é composto por todos os bens materiais ou naturais que foram construídos ou preservados ao longo do tempo.

Bora conhecer os principais patrimônios históricos de Jaú?! Confira o nosso top 5 de locais que marcaram a história dos jauenses.

Igreja Matriz

Em quinto lugar, temos a Igreja Matriz. A igreja foi oficialmente inaugurada em 1901. Sua arquitetura de estilo neogótico proporciona uma bela estética interna e externa. Aqui vai uma curiosidade sobre a matriz: Vista de cima, a igreja remete a um formato de cruz, com o intuito de simbolizar a fé em todas as formas.

Igreja Matriz em 1905 Fonte: matrizjau.com
Igreja Matriz 2021 Créditos: Lisabely Silvestre
Igreja Matriz 2021 Créditos: Lisabely Silvestre

Mercado Municipal de Jaú

Nosso quarto colocado é muito especial! O mercado municipal de Jaú, também conhecido como “Mercadão”. Foi inaugurado em 1899, no estilo renascentista italiano. Nosso querido mercadão é muito importante para a cidade, pois desde seu início tinha como objetivo fomentar a economia e produção local de diversos jauenses.

Mercado Municipal 2021 Créditos: Lisabely Silvestre
Mercado Municipal em 1930
Mercado Municipal 2021 Créditos: Lisabely Silvestre

Rodoviária de Jaú

O terceiro lugar é para a rodoviária de Jaú. Essa é uma obra mais recente, de 1973. Foi projetada pelo arquiteto João Batista Vilanova Artigas e se tornou um clássico da arquitetura. Ela marca o avanço da cidade tanto na economia, quanto na tecnologia e população. Também é reconhecida internacionalmente pela sua arquitetura tão única.

Créditos: Prefeitura de Jaú – Paulo César Grange
Créditos: ArchDaily Brasil

Monumento João Ribeiro de Barros

Em segundo lugar, não podemos deixar de citar o monumento a João Ribeiro de Barros.
Foi inaugurado no ano de 1953, em homenagem ao aviador jauense que realizou a primeira travessia aérea do Oceano Atlântico sem escalas, partindo de Cabo Verde até Fernando de Noronha. Esse momento marcou a história do Brasil e de nossa cidade.

créditos: archdaily brasil
Créditos: Lisabely Silvestre

Primeiros Habitantes e o Peixe Jaú

O primeiro lugar é, sem dúvidas, o patrimônio histórico mais importante que podemos ter: os povos indígenas que foram os primeiros habitantes de Jaú e claro, o peixe que deu nome a cidade. Conheça um pouco mais sobre a real origem de nossa cidade:

As primeiras famílias presentes em Jaú eram indígenas Kaingang. De início, habitavam em Potunduva, que foi onde tudo começou. Conforme a expansão da cidade foi ocorrendo, a miscigenação da população também foi surgindo e dando origem a uma imensidão de cultura que merece ser respeitada e valorizada.

Créditos: Projeto Perobeiras – Prof. José do Amaral Mendes Braga Junior

O peixe Jaú é um dos maiores peixes brasileiros e habitava em abundância por aqui. Serviu de alimento para muitos de nossos antepassados e deu origem ao nome da cidade.

Esse conteúdo é um oferecimento da Imobiliária Jaú, empresa madrinha que apoia as boas notícias de Jaú.

Fonte: Solutudo

Comparar imóveis
Nenhum imóvel selecionado ainda Clique no para comparar imóveis
Venha conversar no Whatsapp!
Imobiliária Jaú
E-MAIL Entrar em contato
ANUNCIE Anunciar Imóvel
WHATSAPP (14) 2104-5555
Ao navegar neste site, você concorda com nossa Política de Privacidade